Encontro de Capacitação na Lei Estadual de Incentivo à Cultura supera expectativa de público


Na segunda-feira, 3 de junho, Barbacena recebeu o primeiro encontro do processo de Capacitação na Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais.  O evento, realizado no auditório da FUNDAC, reuniu mais de 50 pessoas, incluindo secretários municipais de cultura, instituições culturais do município, representantes de órgãos municipais vinculados à cultura, artistas, produtores e agentes culturais. A capacitação aconteceu em consonância com a política de descentralização e interiorização do Governo de Minas Gerais e Secretaria de Estado de Cultura – SEC, por meio da Superintendência de Fomento e Incentivo à Cultura – SFIC e da Diretoria da Lei Estadual de Incentivo, em parceria com o Programa Minas Território da Cultura.

Durante o encontro, a Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais apresentou o Edital 2013 da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. O objetivo foi capacitar os presentes para inscrever projetos no Edital da Lei, por meio da qual é possível captar recursos deduzindo ICMS devido ao Estado de Minas Gerais. Os treinamentos visam proporcionar aos participantes o entendimento da legislação, de sua dinâmica de funcionamento, além de prestar esclarecimentos e orientações referentes ao correto preenchimento dos formulários para apresentação de projetos ao mecanismo da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Segundo Frederico Furtado, Diretor de Cultura e Turismo da AGIR, esta foi a primeira vez que a cidade recebeu a Secretaria de Estado de Cultura de Minas para esta capacitação. “A ênfase e pioneirismo que Barbacena tem coincidem com a prioridade da Secretaria no processo de interiorização do conhecimento e gestão da Lei. Ao chegar a Barbacena, a capacitação espera que vários projetos sejam enviados do município e região para o edital 2013”, informou Frederico, que completou, “para o setor cultural e artístico da cidade, é fundamental compreender o domínio necessário da linguagem de projetos como forma de dialogar com o Incentivo Cultural e a Captação de Recursos e Patrocínios para a realização artística, cultural”.

O Diretor de Cultura e Turismo da AGIR informou ainda que, no final deste mês, a Prefeitura Municipal de Barbacena vai realizar a Conferência Intermunicipal de Cultura, reunindo aproximadamente sete municípios da região. Além disso, na primeira semana de julho a cidade vai receber um Curso para Gestores Culturais da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, em parceria com o SEBRAE/MG, através do programa Minas Território da Cultura. Frederico finalizou dizendo que, nesse contexto, o objetivo da AGIR, à frente do setor cultural, é “propiciar um ambiente de encontro e convergência na região para o desenvolvimento, seja através de debates, de um Fórum Permanente para as Políticas Culturais, como também articular possibilidades valiosas para o setor como os encontros com a Secretaria de Estado de Cultura, levando informações qualitativas de forma mais dinâmica à população e ao setor cultural e artístico, deixando clara a importância de articulação com outras áreas”.

Estiveram presentes no evento representantes dos municípios de Antônio Carlos, Juiz de Fora, São João Del-Rei, Carandaí, Nazareno, Coronel Xavier Chaves, Tocantins, Senhora das Dores e Dores de Campos, além do distrito de Pinheiro Grosso. Também marcaram presença representantes do Circuito Trilha dos Inconfidentes, Lira Barbacenense, Ponto de Partida, Coletivo77, Instituto Curupira, Movimento Hip Hop, Arte Nossa, Bach-bacena, Crisálida, Centro Cultural Bernardo Mascarenhas, Confraria de Ideias, Conservatório Municipal de Música, CEFEC, Arquivo Público Municipal, Tim Arte Educação, Cia Girolê, Casa da Cultura de Barbacena, Coletivo Muzinga de Ouro Preto, Rock Solidário, Game Over Crew e Rodrigo Nezio.


Busca de Notícias