Campanha contra a Paralisia Infantil


A abertura da Campanha Nacional de Vacinação contra a Paralisia Infantil de 2013, em Barbacena, teve a presença do Zé Gotinha, na Unidade de Vacinação Central, que fica na rua Teobaldo Tolendal. No primeiro dia de combate a poliomelite, 2.871 crianças foram vacinadas.

O objetivo dessa campanha é manter o Brasil na condição de país certificado internacionalmente para a erradicação da doença. Não existe contraindicação  para aplicação da Vacina Pólio Oral, entretanto, deve ser evitada ou adiada nos casos de febre acima de 38ºC, diarreia, vômito, hipersensibilidade a algum componente da vacina e reação alérgica.

Para a dona de casa, Maguinalva Graciele da Rocha Lameu, mãe de três filhas, moradora  no Bairro Nove de Março, a vacinação contra  a Paralisia Infantil é essencial “muitas crianças ficaram doentes porque os seus pais não levaram ao Posto de Saúde para tomar a dose da vacina,  estou aqui com as minhas três filhas, de 3 e 6 anos e a outra de 6 meses', contou.

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Paralisia Infantil continua até o dia 21 de Junho e todas as crianças com idade a partir de seis meses até 5 anos incompletos devem ser imunizadas. A medicação está disponível para a população em todas as Unidades Básicas de Saúde de Barbacena.


Busca de Notícias