Empresa fará planejamento técnico para trânsito e transporte na cidade


A Prefeitura Municipal concluiu dois processos licitatórios para a contratação de serviços de planejamento de ações no trânsito e no sistema de transporte da cidade, que foram vencidos pela empresa Planum Planejamento e Consultoria Urbana. Um dos contratos custará R$101 mil e o outro R$ 114,5 mil. O resultado dos trabalhos deverá ser apresentado em forma de projetos para execução.

No primeiro trabalho, o transporte coletivo de passageiro será alvo de estudos e pesquisas, objetivando a reestruturação do mesmo.  De acordo com consultor da Planum, Sérgio Santos, os trabalhos de ‘Pesquisa Embarcada’, conforme designado por ele, devem começar na próxima semana. “Pesquisadores, que serão recrutados pela nossa empresa, acompanharão os ônibus que circulam na cidade, do primeiro ao último horário, em todas as linhas, para preencher as fichas com os passageiros. Posteriormente, faremos uma pesquisa de satisfação”, informou Sérgio Santos.

O consultor, que é engenheiro civil especializado em transporte e trânsito, disse que a partir dos resultados, será gerado um relatório e produzido um projeto para o município. “Depois de realizados os estudos, faremos a contabilização de todas as informações e entregaremos, nas mãos do Prefeito, um planejamento para a reestruturação do transporte público na cidade”, informou Sérgio Santos. As pesquisas começam na próxima semana e abordarão a origem e destino dos passageiros, seus anseios e perspectivas. O prazo para finalização é de um mês.

Segundo o Prefeito Toninho Andrada, a empresa dará suporte à regularização do sistema de transporte para combater “a desordem e o serviço clandestino que impera em toda a cidade, pela omissão da Prefeitura nos últimos anos, provocando consequências negativas até para a segurança pública”. O Prefeito informou ainda que, posteriormente, serão realizadas licitações para o sistema de transporte coletivo e de mototaxi, e serão estabelecidas regras para os serviços de mototaxi, motofrete, transporte coletivo por ônibus, transporte escolar e transporte de passageiros por táxi. “Aos poucos criaremos todas as condições para um verdadeiro choque de ordem no sistema de transporte da cidade“, afirmou Toninho.

No segundo contrato com a Planum, o trânsito também será alvo de estudos e pesquisas, a fim de ordenar o fluxo de veículos na cidade. O subsecretario de Trânsito e Mobilidade Urbana, Carlos Alberto Soares Nascimento, informou que hoje Barbacena conta com quase 54 mil veículos em circulação “e por isso o assunto exige estudos e muito planejamento”. Se compararmos com a frota de veículos da cidade em 2004, o número aumentou cerca de 80%.

O planejamento e a execução dos projetos no trânsito em Barbacena serão realizados em etapas. Toninho Andrada revelou que serão três fases: “a primeira, com providências imediatas que não gerem custos elevados; a segunda, com providências
que exigirão alguns investimentos mais representativos; e uma terceira fase, que exigirá investimentos mais robustos, e que será implantada na medida em que o município obtiver recursos e condições”, disse Toninho Andrada.


Busca de Notícias