Barbacena realiza mutirão de preventivos


Durante toda a semana, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Barbacena realizam o I Mutirão de Preventivos. Organizado pela Secretaria Municipal de Saúde Pública (SESAP), o projeto cumpre o objetivo de promover ações de cuidados com a saúde da mulher, neste caso, a prevenção do câncer de colo do útero.

Na UBS do bairro Ipanema, só no primeiro dia de mutirão, foi realizada mais de 30% da cota mensal de exames da Unidade. Para a enfermeira responsável, Maria José Lopes da Silva, esse tipo de iniciativa é fundamental, em especial nos bairro carentes socioeconomicamente. “Atendemos a uma população de cerca de 10 mil habitantes que carecem de informações e atividades que promovam a saúde e a qualidade de vida”, completou a enfermeira.

Maria José destacou ainda que, na região atendida pela Unidade existem muitas jovens com vida sexual ativa, e que é grande o índice de doenças sexualmente transmissíveis, por isso a importância da Secretaria de Saúde trabalhar efetivamente nesses locais. “A demanda da Unidade é grande, porque cobrimos uma região 100% SUS. Precisamos de ações voltadas para a educação dessas pessoas e de profissionais que possam somar a nossa equipe”, concluiu a enfermeira.

A dona de casa, Maria das Graças de Lima tem 59 anos e aprovou a iniciativa. “Faço o exame anualmente, e agora aproveitei o mutirão para fazer o preventivo. É bom para vermos como está a nossa saúde e prevenir problemas. Recomendo a todas as mulheres, até as mais senhoras”, afirmou a moradora do bairro.

A Prefeitura Municipal de Barbacena, por meio da Subsecretaria de Promoção e Ações em Saúde, da Coordenação de Estratégia da Saúde da Família e da Coordenação da Saúde da Mulher, é que está à frente do I Mutirão de Preventivos. A ação acontece até sábado, dia 20 de julho, das 8 às 16 horas, nas diferentes Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade.

Para  uma ação mais efetiva junto ao público feminino, a UBS do Santa Efigênia atenderá no período da noite. O objetivo é alcançar a mulher trabalhadora e realizar o exame do "Papanicolau" em horário diferenciado. A iniciativa contará com a participação dos Agentes Comunitários da Saúde para a mobilização social. Para outras informações, ligue: (32) 3339-2112.


Busca de Notícias