Pré-conferência de saúde quer proximidade com o cidadão


As discussões sobre a saúde no município continuam a todo o vapor. Ontem, 6 de novembro, foi a vez do Distrito Sanitário VIII dar sua contribuição. Moradores, funcionários da Secretaria Municipal de Saúde Pública (SESAP) e representantes de entidades participaram do encontro, que aconteceu na Escola Higino José Ferreira, em Correia de Almeida.

A dona de casa, Edicéia Consoladora da Costa, é usuária da Unidade Básica de Saúde do distrito de Correia de Almeida e falou sobre a expectativa para a Conferência Municipal. “Espero que as propostas levantadas aqui sejam levadas para a Conferência Municipal e que possa nos ajudar efetivamente”, afirmou Edicéia. Griziele Dionísio é Agente de Saúde da UBS e também deseja um retorno positivo das reuniões. “Nossa Unidade precisa de suporte, infraestrutura e corpo clínico. Minha expectativa é de que este encontro possibilite a nós, funcionários, e a comunidade, reivindicar suas necessidades e lutar pelo que tem direito”, defendeu a Agente de Saúde.

Um dos objetivos das pré-conferências é fazer uma escuta o mais próximo do cidadão. “Comparecemos aos distritos e nos aproximamos das pessoas, rompendo uma barreira entre gestão e usuário”, disse Elizabethi Pereira, Subsecretária de Planejamento e Regulação da SESAP, que acredita que é possível resolver os problemas da saúde no município “por meio de uma gestão participativa, cumprindo o que a legislação do SUS preconiza e trabalhando com uma equipe coesa, articulada e bem vinculada”.

As propostas levantadas em cada distrito sanitário nortearão a Conferência Municipal, que acontece nos dias 6 e 7 de dezembro. A expectativa da SESAP é que, através da realização das pré-conferências, sejam eleitos 60 delegados, usuários, com capacidade de articulação, envolvimento com a comunidade e conhecimento de causa. Dê a sua contribuição. Participe! Hoje, 7 de novembro, o encontro será na Escola Embaixador Martim Francisco – CAIC.

 


Busca de Notícias