Escola Crispim Bias Fortes ganha prêmio importante


Em participação do Prêmio Construindo a Nação, a Escola Municipal Crispim Bias Fortes, de Barbacena, levou o  1º lugar em Minas Gerais, pelo projeto “Livro pra ler, cidade pra conhecer”. O evento foi realizado na Sala São Paulo da Estação, na capital paulista e contou com a presença de várias autoridades de todo o Brasil como prefeitos, vereadores e secretários de Educação.

A idealizadora do projeto, Eliane Rocha, pontuou que o prêmio não vai somente para as autoras e sim, para todos os participantes diretos e indiretos. “A Escola Municipal Crispim Bias Fortes é motivo de orgulho para todas nós. Eu como idealizadora e minhas queridas amigas Daniela Corrêa, Aline Oliveira, Cláudia Araújo, Marlene Carvalho e Kátia Estevam como coautoras, sentimos imensamente honradas. Este ganho valorizou não só uma escola, mas uma cidade por inteiro”, enfatiza Eliane.

O projeto “Livro pra ler, cidade pra conhecer”  consiste em unir o prazer da leitura ao de conhecer a sua cidade, o lugar onde vive sua história, suas atrações turísticas, seu valor para cidade e a partir desse momento relacionar esse lugar ao hábito da leitura.

O principal objetivo é desenvolver uma prática pedagógica que motive os alunos ao hábito de ler, proporcionando a interatividade dos alunos e professores com as literaturas infantis, infanto-juvenis e clássicas, despertando o gosto e a descoberta da importância da leitura como fonte de ampliação de conhecimentos e desenvolvimento de habilidades.

Criada em 2000 no Estado de São Paulo e ampliada a partir de 2006, o 'Prêmio Construindo a Nação' procura estimular, reconhecer e difundir ações realizadas por escolas, nas quais os alunos são os empreendedores,  agentes da mudança na melhoria ou resolução de problemas da sociedade, alcançando 25 estados, no total de 7.800 projetos.

“E uma honra para Barbacena. O reconhecimento do trabalho desenvolvido por professores são movidos pelo prazer de ensinar, inovar e realizar. Por isto, quero agradecer e parabenizar a todos que estiveram envolvidos, diretamente e indiretamente, com o desenvolvimento do Projeto e em especial a professora Eliane de Paula Rocha, que foi a idealizadora e que há tantos anos se dedica à educação municipal, disse o Secretário Municipal de Educação e Desporto, Emiliano Furtado Campos.


Busca de Notícias