Eco Canoagem reúne atletas no Rio das Mortes
Ação expande o Seminário Regional que conta com 5 cidades


Através do Seminário Regional do Rio das Mortes Barbacena, Barroso, Tiradentes, São João del-Rei e Santa Cruz de Minas estão integrados para refletir e propor mudanças para o maior manancial hídrico da região. E uma das ações para expandir o tema do evento aconteceu no último final de semana: o 1º Encontro Rio das Mortes de Eco Canoagem, que reuniu diversos atletas federados em um percurso que, no primeiro dia, foi entre Barbacena e Barroso e, no segundo, entre Barroso e Santa Cruz de Minas.

O Encontro foi idealizado pela Prefeitura Municipal, através da diretoria de Meio Ambiente da AGIR.  “A ideia é ver de perto o que está acontecendo e levar para fora a situação atual. Trazer o rio até a população faz com que ela perceba a vulnerabilidade do sistema. E agora é realmente a hora de promover um trabalho conjunto entre prefeituras, ONGs e comunidade, com foco na educação ambiental e através de ações concretas”, pontuou Sérgio Grossi.

O resultado da Eco Canoagem será apresentado no Seminário, que será aberto nesta quarta-feira, dia 4 de junho, em São João del-Rei, às 14h, no Campus Santo Antônio da UFSJ. O fechamento do evento acontecerá em Barbacena, na sexta-feira, dia 6, às 19h, no Auditório I do IF Sudeste MG.

O trabalho integrado entre os municípios é considerado de fundamental importância para o projeto, como destaca o Diretor de Integração Regional, Fred Furtado: “Nós temos uma carência e uma demanda em comum. O Rio das Mortes está muito próximo de todos nós e esse diagnóstico conjunto faz com que todos se atentem à preservação e despoluição dele”.

A vice-prefeita de São João del-Rei, Maria Cristina Alves Pereira, que é também secretária municipal de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade, destacou a integração entre os municípios, ao falar da importância do Seminário: “A importância é integrar os municípios na conscientização que o Rio das Mortes, além do vínculo histórico que ele nos une, principalmente o resgate com relação a ele, cuidado com ele, para nós preservarmos um bem nosso, dos municípios para justamente garantir uma qualidade de vida futura para nós”.


Busca de Notícias