Barbacena recebe projeto de intercâmbio
Profissionais de cinco estados estão na cidade participando do programa


Barbacena foi uma das 17 cidades escolhidas para receber o intercâmbio iniciado nesta segunda-feira, 21, em todo o Brasil. O Processo Formativo da Rede de Atenção Psicossocial chega à cidade por meio de parceria entre a Prefeitura de Barbacena e o Ministério da Saúde, com o intuito de fortalecer as Redes de Saúde Mental de todo país. Em Barbacena, o intercambio teve início com uma “oficina de acolhida” no Instituto Bom Pastor, que é parceiro do Município em residência terapêutica, no trabalho realizado pela Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesap), através do Centro de Atenção Psicossocial (CAPs).

O projeto de intercâmbio será realizado durante um ano. As equipes escolhidas para participarem do programa são compostas de profissionais que ficam em cada cidade durante 28 dias. Nesta primeira fase, Barbacena recebeu profissionais vindos de Paulistana (Pernambuco), Cabo de Santo Agostinho (Pernambuco), Andradina (São Paulo), Prudentópolis (Paraná), Manaus (Amazônia) e Porto Alegre (Rio Grande do Sul). As equipes vão trabalhar com um tema, já determinado, por semana. E todas as sextas-feiras os profissionais se reúnem para um balanço dos trabalhos.

A Rede Psicossocial de Barbacena, que é responsável pelo atendimento de 51 municípios da região, conta atualmente com o CAPs AD, que trabalha no tratamento do álcool e droga, o CAPs III, 25 residências terapêuticas, um centro de convivência, “Consultório na Rua”, além de 10 leitos clínicos no Hospital Geral.

O trabalho realizado em Barbacena foi reconhecido pelo Ministério da Saúde. “Barbacena é hoje Rede Preceptora em Reabilitação Psicossocial do Ministério da Saúde e conseguiu isto através do reconhecimento da qualidade no tratamento das doenças psicossociais. O CAPs tem recebido total apoio do secretário José Orleans para realizar seus projetos”, destacou a coordenadora de Saúde Mental da Sesap, Flávia Vasques.


Busca de Notícias