Escola Municipal Monsenhor Lopes se destaca na Olimpíada Brasileira de Robótica
Única representante de Barbacena, instituição foi premiada na competição


A Escola Municipal Monsenhor Lopes, localizada no distrito de Senhora das Dores, participou no último dia 13 de setembro, na Universidade Federal de São João del Rey, da Olimpíada Brasileira de Robótica, apoiada pelo CNPq. Estavam presentes 31 equipes, de diversas escolas e cidades do estado; e a Escola Monsenhor Lopes foi a única representante de Barbacena.

Esta é a primeira vez que a escola participa da competição, mas já foi representada por 2 equipes, que participaram na modalidade prática NívelI: “Project Rescue” e “Robots Girls Rescue”. Os grupos expuseram dois robôs criados pelos seus próprios integrantes. A apresentação foi composta por uma simulação de ambiente de desastre em mundo real e o resgate da vítima precisava ser feito por robôs em trilhas, com obstáculos e desafios.

As equipes participantes da competição são compostas por alunos que frequentam o Programa Mais Educação, coordenado pela professora Edina Dornelas na oficina de Robótica, tendo como orientador e voluntário o professor Diego Luis da Silva.

Segundo a professora Edina, esta foi uma oportunidade muito importante para os alunos e o resultado, altamente positivo. “Foi uma grande vivência para os alunos, que compartilharam ideias e experiências com escolas de outras cidades, principalmente considerando que a Escola Municipal Monsenhor Lopes foi a única participante de Barbacena”.

A iniciativa desta oficina visa estimular a carreira científica-tecnológica. É o que explica a diretora da escola e incentivadora do Projeto, professora Ana Lúcia Duarte Zanetti. “Identificar jovens talentos e promover a atualização no processo ensino-aprendizagem, visto que a temática tem grande aceitação junto aos jovens é o nosso real objetivo”. Ela ainda manifestou seu orgulho pelo destaque da escola na Olimpíada. “Nossos alunos estão de parabéns, receberam a medalha do robô mais simpático e viveram grande experiência, que não será esquecida e o estímulo para continuarem o processo”.

Participantes da Equipe PROJECT RESCUE: Brenda Lauriana Aparecida Moreira da Silva – 8o ano; Heder Gustavo Acerbi Garcia – 9o ano; Kênia Mara Almeida Carvalho – 8o ano; Weverton Barbosa Adão – 7o ano.

Equipe ROBOTS GIRLS RESCUE: Cintia Garcia Pereira – 7o ano, Hingrit de Cássia Pilar Ferreira Silva – 7o ano, Kelly Cristina Almeida Carvalho – 8o ano, Ketlen do Nascimento Silva – 8o ano.


Busca de Notícias