Guarda Municipal perto da população com projeto Ronda Escolar
Na sede da Corporação, 70 alunos participam do projeto Esporte e Cidadania


Um dos lemas das guardas municipais é procurar estar sempre próximo ao cidadão. E, em Barbacena, um projeto que colocou a Guarda Municipal mais próxima à população foi o Ronda Escolar, que é desenvolvido pela Corporação junto as escolas da rede municipal, através de um trabalho preventivo e com palestras. A partir do Ronda Escolar, surgiu também o projeto Esporte e Cidadania, que é desenvolvido na própria sede da Guarda e, atualmente, atende 70 alunos.

Para o comandante da Guarda Municipal de Barbacena, capitão Adilson Domingos, o projeto Ronda Escolar foi aprovado e continuará com força no próximo ano. “O projeto Ronda Escolar, assim como o canil, foi um sucesso que a Guarda Municipal agregou a Corporação. Nós vamos continuar incentivando, mantendo este projeto, que é um trabalho formidável junto as escolas municipais, que só tem trazido ganhos para nossa Corporação”.

O projeto Ronda Escolar tem quatro responsáveis pelo seu desenvolvimento. O guarda Paulo César de Jesus Peixoto é um dos que trabalha diretamente no projeto. “O saldo do Ronda Escolar deste ano é positivo. Um exemplo, é que no mês passado aconteceu um trabalho de 'Educação para Vida' nas escolas do Estado e nós fomos convidados a participar, devido ao nosso trabalho nas escolas do Município, com palestras e o trabalho preventivo. Fomos a cinco escolas estaduais, onde palestramos para cerca de 2.200 alunos. O nosso trabalho é voltado para as escolas municipais, mas sempre que somos convidados por outras instituições, damos total atenção”, destacou.

Também responsável por atuar no projeto Ronda Escolar, o guarda Carlos Ferreira Dias foi idealizador do projeto Esporte e Cidadania. “Dentro das atividades do Ronda Escolar, uma mãe pediu que conseguíssemos uma vaga para um filho no projeto, pois já havia perdido um filho por conta de envolvimento com o tráfico de drogas, ele foi assassinado, e isto me deu uma ideia. Quando viemos para a nova sede, com espaço para desenvolver trabalho com os meninos, eu apresentei o projeto Esporte e Cidadania para o comandante, ele prontamente comprou a ideia, e nós, os quatro guardas da ronda escolar, contando com a ajuda de outros guardas, passamos a tocar o projeto, que hoje atende 70 crianças”, explicou.


Busca de Notícias