Árvore é extraída por colocar em risco pedestres e comércio
A espécie foi retirada em caráter de emergência


A Prefeitura de Barbacena, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural (Sedru), realizou a extração de uma árvore da espécie Castanheira, na última segunda-feira (9), na Praça dos Andradas. O motivo para o ato, seria a falta de estabilidade de seu tronco, colocando em risco vários pedestres e o comércio.

Segundo o subsecretário da Sedru, Paulo César Viol, a árvore já estava podre e corria o risco de cair a qualquer momento. “Esta espécie estava debilitada, vários galhos enormes estavam caindo. Antes que acontecesse o pior, resolvemos fazer a extração”, explicou Paulo César.

Para que acontecesse este corte de urgência, a Diretoria de Meio Ambiente da Agência de Desenvolvimento Integrado de Barbacena e Região (Agir) foi acionada, fazendo assim, uma extração entre os meios legais do processo. “A árvore estava comprometida e de acordo com as análises, a espécie estava comprometendo o local e poderia cair. Não havia outra coisa a se fazer”, explicou o diretor de Meio Ambiente, Sérgio Grossi.

Para explicar mais como funciona esta análise para extração, o Engenheiro Florestal da Agir, Romeu Fernandes relata como estava a situação da árvore. “ A Castanheira estava com o tronco inclinado e com muitos galhos grossos caindo a cada chuva. Após detectarmos que esta árvore estava morta, há mais ou menos cinco anos, não existia a menor possibilidade de uma poda para brotação da mesma”, ressaltou o engenheiro.


Busca de Notícias