Alunos da rede municipal de ensino recebem certificados do Progea
Formatura de 122 estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental


Os 122 alunos do 5º ano do Ensino Fundamental das Escolas Municipais Inês Piacesi, Sebastião Francisco do Valle, Tony Marcos de Andrade e Cel. José Máximo se formaram, na última semana, no Programa de Educação Ambiental (Progea) da Polícia Militar. A solenidade, realizada no dia 4 de setembro, na Escola Municipal Coronel José Máximo. A formatura marcou também a união do Projeto Pingo e o Clubinho Ambiental, criados para reforçar as ações na escola.

A solenidade contou com a presença do Subcomandante da 13ª Companhia Independente de Meio Ambiente e Trânsito, Capitão Flávio Tafuri Mattoso; do chefe da Seção de Planejamento de Operações da 13ª Cia, 1º Tenente Jackson Roberto Tóffoli; do gerente de orientação ambiental Sérgio Gustavo Coutinho Grossi, que representou a secretária municipal de Educação, Desporto e Cultura, Rita Candian; a técnica em Educação Maria Solange Lucindo Magno; e a diretora da Escola Coronel José Máximo, Cláudia Ivone Zanetti.

O prefeito Toninho Andrada, ao comentar a participação das escolas municipais no Progea, disse que 'ações desta natureza são de suma importância para enriquecer o currículo escolar dos alunos, que passam, neste caso, a obter mais conhecimento sobre questões ambientais, tema de alta relevância nos dias atuais'. Ele cumprimentou também os alunos e professores inseridos no Programa.

O Progea é um programa cooperativo, desenvolvido pela Polícia Militar do Estado de Minas Gerais, em parceria com as escolas, para tornar o aluno mais reflexivo para as questões ambientais e estimular as crianças a serem competentes e hábeis para a adoção de comportamentos socioambientais que visem a contribuir para a preservação ambiental, a sustentabilidade e a melhoria da qualidade de vida.

A diretora da Escola Coronel José Máximo, Cláudia Ivone Zanetti Cabral, lembrou que “Há seis anos o projeto vem sendo desenvolvido aqui na escola e fomos a primeira escola a abraçá-lo. Para nós é de suma importância, todas as turmas foram privilegiadas e conhecem muito bem o programa e temos total apoio dos mediadores do projeto”.


Busca de Notícias