35ª Semana Nacional do Cavalo Campolina abre espaço para negócios
Parque de Exposições recebe dois dias de leilão

33 lotes estão sendo comercializados

A 35ª Semana Nacional do Cavalo Campolina também é uma grande oportunidade de realização de negócios. O principal deles é o leilão, que começou na  tarde desta sexta-feira (16) e atraiu vários criadores ao Parque de Exposições, em um pavilhão montado para receber animais de alta qualidade e a genética dos grandes campeões da atualidade.

O prefeito Toninho Andrada destacou que o leilão é um dos pontos fortes da Semana Nacional do Cavalo Campolina: 'É o momento em que os criadores tem a oportunidade de fazer bons negócios, tanto na venda quanto na aquisição de animais de qualidade, já que o evento é o mais importante da raça no país. Isso também representa o fomento da economia local, tendo em vista que a presença dos criadores movimenta a rede hoteleira, restaurantes, bares e outros setores'.

Serão comercializados 33 lotes (31 de animais, um embrião e uma cobertura) durante o leilão. Segundo o presidente da Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Campolina, Luiz Roberto Horst da Silveira Pinto, o objetivo é faturar mais de R$ 400 mil: 'Os animais são de ótimo nível, pertencentes a grandes criadores. Mais uma vez, temos que agradecer a Prefeitura de Barbacena pelo apoio em todos os sentidos, com segurança e estrutura de alto nível'. 

Neste sábado (17), dia do encerramento do evento, mais um leilão movimenta os negócios da 35ª Semana Nacional do Cavalo Campolina e várias atividades acontecem durante todo o dia: grande campeão machos/picada, grande campeã fêmeas/picada, grande campeão machos/batida, grande campeã fêmeas/batida, concurso grande marchador machos/batida, grande marchador fêmeas/batida e a prova Campolina em ação.


Busca de Notícias