Cras São Pedro inicia período de inscrições de suas atividades
Os interessados devem ir até o Cras das 9h às 16, de segunda a sexta-feira, até o dia 12 de fevereiro

Só no ano passado foram 44 grupos de trabalhos com 20 temáticas

O Centro de Referência de Assistência Social - Cras São Pedro estará, a partir da próxima segunda-feira, 1º, recebendo inscrições para suas oficinas a serem desenvolvidas durante este ano de 2016. Os interessados podem ir até o Cras das 9h às 16h, para fazer a inscrição. É necessário levar o cadastro no Cras, RG e número do NIS (Bolsa Família) para aqueles que possuem. Em relação aos menores de idade, é preciso estarem acompanhados de responsáveis legal. De acordo com a coordenação do Cras, não serão realizadas matrículas por telefone e as vagas serão preenchidas de acordo com a ordem de chegada. As inscrições podem ser executadas até o dia 12 de fevereiro.

Oficinas: artesanato em tecido (capitonê, bonecas, almofadas de fitas, vagonite de fita e de linha, decoupagem, customização de roupas e confecção de bolsas), artesanato em geral (trabalho em madeira, peso de porta, trabalho em vidro, puff, cestas e bolsas de reciclagem, customização de roupas), oficina de EVA (elaboração de arranjos, flores, bonecas, chaveiros, porta-retratos, peso de porta e lembrancinhas de festas), pintura em tecido, corte e costura, grupo 'Vivendo e Aprendendo (grupo de discussão de direitos sociais, saúde e educação), ginástica (prática de atividades físicas e alongamentos visando promover saúde e qualidade de vida), capoeira (prática de esporte e promoção de hábitos saudáveis de vida), futsal, atividades para crianças - educativas, culturais, música, contação de história, trabalhos manuais e recreação; Juventude Pensante (construção de cidadania) .

Segundo o prefeito Toninho Andrada “o trabalho desenvolvido pelo CRAS tem por objetivo prevenir a ocorrência de situações de vulnerabilidades e riscos sociais nos territórios, por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições, do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários e da ampliação do acesso aos direitos de cidadania. No ano de 2015, o Cras São Pedro atendeu em suas oficinas e grupos de convivências e fortalecimento de vínculos cerca de 594 pessoas. Ao todo foram 44 grupos de trabalhos com 20 temáticas, o que vem fazendo a diferença na vida de muitas pessoas e famílias inteiras. O total de famílias referenciadas no ano de 2015 pelo Cras São Pedro que atende a vários bairros foi de 1855 (em atendimento ou já atendidas)”. O Cras localiza à praça José Serápio da Silva, ao lado da Matriz de São Pedro. 


Busca de Notícias