Está quase tudo pronto para iluminação especial da Basílica
Projeto de iluminação está sendo executado pela Prefeitura


Foi apenas um teste, mas quem passou pela área central de Barbacena na parte da noite, na última semana, teve a oportunidade de poder observar como ficará a Basílica de São José com o novo projeto de iluminação. A cúpula da Basílica estava toda iluminada, sendo esse o primeiro teste que a empresa responsável pelo projeto estava realizando. A nova iluminação do Templo faz parte do Plano Diretor de Iluminação da Prefeitura de Barbacena, que vem sendo executado em vários pontos da cidade. A iluminação da Basílica é em LED RGB com controle e programação por meio de Controladora RGB e iluminação de alta qualidade e alteração de cor.

Os trabalhos de iluminação da Basílica já estão em fase de finalização. Segundo a empresa responsável pela execução do projeto, a Brasil Construção de Montagem, a previsão é de que tudo fique pronto para o Jubileu de São José Operário, que começa na próxima quinta-feira, dia 21. As paredes externas também estão ganhando iluminação na fechada (Vaya Flood) também de LED; o jardim está recebendo iluminação em LED e ornamental; no restante da área do adro estão sendo instalados oito lampiões e ainda refletores.

“A iluminação de LED, além de mais econômica, vai deixar vários pontos da cidade muito mais iluminado e, consequentemente, mais bonitos. Estamos com frentes de trabalho na Avenida Governador Bias Fortes, onde a população já pode sentir a diferença na iluminação daquele local. Vamos também terminar os trabalhos na Basílica antes do Jubileu. E muitas outras regiões serão beneficiadas com a nova iluminação”, destacou o prefeito Toninho Andrada.

Outro patrimônio que já ganhou nova iluminação, inclusive em cor, foi o Pontilhão, que passou recentemente por uma completa revitalização, incluindo a recuperação da estrutura e limpeza. A iluminação de LED tem a característica de emitir muito mais luz consumir menos energia do que outros tipos de lâmpadas. A economia de energia elétrica gerada chega até 60%. As lâmpadas não empregam em sua composição e no processo de geração de luz elementos nocivos ao meio ambiente, sendo assim a melhor opção em termos de eficiência e economia para iluminação pública.


Busca de Notícias