Inaugurada a ampliação da E.E. Adelaide Bias Fortes
O Anfiteatro é um novo apoio para atividades pedagógicas


Foi inaugurada a ampliação da Escola Estadual Adelaide Bias Fortes que ganhou além de um anfiteatro, uma nova cozinha e refeitório. O secretário Chefe da Casa Civil José Augusto Penna Naves descerrou a placa alusiva ao fato juntamente com a Superintendente de Ensino, Maria Tereza Fortes, o deputado Cristiano Silveira, a Ex-diretora Elizabeth Pereira Pinto, e os vice-diretores Eliane Rocha e Cláudio Riberio (foto).

Em nome do prefeito Toninho Andrada, o professor José Augusto cumprimentou a comunidade escolar, destacando o trabalho de cada uma das autoridades presentes. Ao lembrar que é ex-aluno do Adelaide, disse especialmente aos atuais estudantes, que serão eles o secretário, o prefeito, o superintendente de Ensino, o vereador, o deputado, o diretor da escola e o professor, que no futuro farão a história de nossa cidade e do educandário onde estudaram. Ao saudar os servidores e educadores da escola, o fez nas pessoas de suas ex-professoras Solange, Flauzina, Maria José e da diretora Celma Ladeira, oportunidade em que enalteceu a atuação das gestões anteriores e da atual direção em conjunto com a Superintendência de Ensino e a Secretaria de Estado de Educação para consolidar a obra inaugurada.  

A Superintendente de Ensino, professora Maria Tereza Fortes cumprimentou o empenho dos trabalhadores de ensino da Escola para a concretização do Anfiteatro que segundo ela, será um novo instrumento pedagógico e destacou “meus filhos estudaram aqui. É uma escola de reconhecida pela qualidade no ensino”. O deputado estadual Cristiano Silveira destacou as ações do Governo de Minas em prol da educação.  A ex-diretora Elizabeth Silva Pereira Pinto, que em sua gestão deu início ao projeto do Anfiteatro fez um histórico do planejamento da obra, lembrando que teve início quando Superintendente de Ensino, o professor Mário Raimundo de Melo, se encerrando na gestão da professora Maria Tereza Fortes, quando também enalteceu o empenho da atual direção da Escola para consolidar “o grande sonho”.   

Encerrando a solenidade, o professor Cláudio Ribeiro, falando em nome da diretora Evane Magri, lembrou que a Escola foi fundada em 1926 e desde então se destaca pela qualidade de ensino oferecida a comunidade e hoje conta com 1.340 alunos e 80 servidores entre professores e funções administrativas. Enalteceu a importância da ampliação do educandário, destacando que “o passado da Escola nos mostra como crescemos e o futuro como ainda temos de sonhar!” Além dos professores citados na matéria, também compuseram a mesa o vereador Carlos Roberto Kikito, o representante do Colegiado Escolar, Carlos Luís Candido da Silva; o coordenador financeiro da 3ª SER, Luiz Carlos de Faria; e a Secretária Executiva dos Fóruns Regionais de Governo, Vera Rodrigues Pereira.


Busca de Notícias