Prefeitura fará contratação temporária para substituir grevistas
Professores das Escolas que retomarem atividades terão abono imediato das faltas


Após reunião com Secretários na manhã desta sexta-feira, dia 10, o Prefeito Toninho Andrada determinou o abono dos dias não trabalhados, com o pagamento imediato dos vencimentos referentes a maio, aos professores das unidades escolares que retornarem suas atividades na totalidade. A decisão ocorreu após obter a informação da Secretária de Educação Rita Candian de que diversos professores manifestaram o desejo de retornar às escolas. “O pagamento será realizado em 48 horas após o retorno”, garantiu a Secretária. Depois de avaliar o quadro geral da educação, o Prefeito também determinou que a Secretaria de Educação faça “chamamento público” para contratação temporária de professores para substituição imediata dos grevistas. O aviso do chamamento será publicado hoje, no e-DOB (Diário Oficial do Município), para que na próxima semana as contratações possam ser efetivadas para suprir as demandas nas escolas.

“A educação é uma atividade essencial à sociedade, direito do cidadão e obrigação do poder público”, afirmou o Prefeito. Vamos reagir aos abusos e encontrar maneiras de salvar o ano letivo. Não vamos deixar 8 mil crianças e jovens à mercê de uma greve que perdeu o rumo e foi dominada por militantes partidários e políticos que só pensam em eleições e não enxergam o prejuízo que causam às novas gerações”.

Segundo o Secretário de Planejamento, Silver Wagner, o governo municipal resolve tomar estas decisões após a rejeição, ontem, dia 9, pela assembléia dos servidores públicos, do “acordo preliminar para início das negociações com os dirigentes da greve”. Ele disse que a atitude foi interpretada pelo governo municipal como “um entrave ao diálogo e um gesto de radicalização”, exigindo “novas medidas administrativas para garantir a prestação dos serviços educacionais aos alunos da rede municipal”.

Participaram da reunião, além dos Secretários da Educação e Planejamento, os de Governo, José Francisco Silveira, de Fazenda, José Francisco Milagres, e da Advocacia Geral do Município, Tiago Mota.

 


Busca de Notícias