Judiciário não vê irregularidade em concurso público


A Justiça negou o pedido liminar do Ministério Público da Comarca de Barbacena para suspender o concurso realizado pela Prefeitura de Barbacena. Realizado pelo Cefet Minas, o concurso teve mais de 9 mil participantes que concorreram a uma das 570 vagas abertas, em diversos cargos da administração local. A Prefeitura já havia homologado o certame efetuado nomeações.


Busca de Notícias