Barbacena está dentro das 24% gestões mais eficientes do país, segundo o Jornal Folha de São Paulo
Numa escala de 0 a 1, só 24% das cidades ultrapassam 0,50 e, por isso,podem ser consideradas eficientes

Barbacena aparece nos pontos verdes, que representa as 24% das gestões mais eficientes do país, segundo levantamento do jornal Folha de São Paulo em parceria com o DataFolha

Uma ferramenta inédita lançada pelo jornal Folha de São Paulo, em conjunto com o DataFolha, neste ano eleitoral mostra quais prefeituras entregam mais serviços básicos à população usando melhor volume de recursos financeiros. O Ranking de Eficiência dos Municípios - Folha leva em conta indicadores de saúde, educação e saneamento para calcular a eficiência da gestão e apresenta dados de 5.281 município, ou seja 95% do total de 5.569. Numa escala de 0 a 1, só 24% das cidades ultrapassam 0,50 e, por isso,podem ser consideradas eficientes. Barbacena está colocada dentro das 24% gestões mais eficientes do país, segundo o ranking da Folha.

Os dados divulgados pela Folha revelam que apenas cerca de um em cada quatro municípios conseguem superar o ponto médio da escala (0,50).

Nos últimos três anos e meio Barbacena tem feito a maior revolução no sistema de saúde do município, com destaque para a transferência do PA da Santa Casa para o Hospital Regional, a criação do Centro de Especialidades Médicas, no antigo Hospital Vilela, a criação do Programa Hora do Trabalhador, no Imaip, Construção de Novas UBS, convênios com o Hospital Ibiapaba, reforma e funcionamento eficiente das já existes, ampliação da frota de veículos, entre outras iniciativas. Já na área de saneamento, destaque para a recuperação Córrego da Rua Bahia e obras pontuais em diversos bairros. Outra medida de impacto é a obra de duplicação da adutora do Rio das Mortes, que vai solucionar a questão da água potável para os próximos 50 anos. Isso tudo sem falar nas obras de mobilidade urbana e asfaltamento, na ordem de mais de R$ 10 milhões, que vem modificando a infraestrutura da região central e de vias importantes em diversos bairros.  

Fonte: Jornal Folha de S. Paulo


Busca de Notícias