Saúde amplia oferta de vacinação
As mudanças atingem as vacinas contra HPV e meningite C


A Prefeitura de Barbacena, através da Secretaria Municipal de Saúde e Programas Sociais (Sesaps), dentro do Programa Nacional de Imunização (PNI), informa que, a partir de 2017, a oferta de vacinação será ampliada. As mudanças atingem as vacinas contra o HPV e meningite C, com a Unidade Central de Vacinação, localizada no prédio da antiga Agir, e todas as Unidades Básicas de Saúde do Município executando estas ações.

Antes indicadas apenas para meninas de 9 a 13 anos, a vacina contra o HPV agora é estendida aos meninos de 12 e 13 anos. A faixa etária será gradualmente ampliada até 2020, quando a vacinação estará disponível para meninos de 9 a 13 anos. Além disso, meninas que chegaram aos 14 anos sem tomar a vacina ou não completaram as duas doses também foram inseridas. Outra novidade é que a vacinação também será estendida a homens que vivem com HIV entre 9 e 26 anos. Antes, só as mulheres com HIV desta faixa etária podiam se vacinar gratuitamente.

O esquema vacinal consiste em duas doses (três para o público que vive com HIV), com intervalo de seis meses. O objetivo é proteger os meninos contra câncer de pênis, garganta, ânus, verrugas genitais e demais problemas relacionados ao vírus, além de contribuir para a diminuição do câncer de colo do útero e vulva das mulheres, já que isso possibilita a diminuição da circulação do vírus na população.

Vacina contra meningite C - O Ministério da Saúde anunciou ainda a inclusão da vacina contra Meningite C para meninos e meninas de 12 a 13 anos a partir de 2017. Até 2020, a vacina deverá estar disponível a crianças de 9 a 13 anos. Hoje, essa imunização é oferecida apenas às crianças de 3, 5 e 12 meses de idade. A meningite C é o subtipo mais frequente da doença, que é considerada grave e de rápida evolução.

Segundo a responsável técnica do PNI, Ana Lúcia Santos, 'é importante que a vacinação comece na infância, mais os pais e responsáveis devem ter com os adolescentes a mesma preocupação que têm com as crianças”.


Busca de Notícias