Saúde presta contas e apresenta balanço positivo
Secretário detalha obras e ações que serão implementadas na gestão do prefeito Luis Álvaro


A Prefeitura de Barbacena, através da Secretaria Municipal de Saúde e Programas Sociais (Sesaps), apresentou, nesta terça-feira (7), na Câmara Municipal, o balanço dos trabalhos realizados nos últimos quatro meses de 2016. A prestação de contas, com a presença de vários vereadores, foi conduzida pelo secretário José Orleans da Costa,  que demonstrou dados positivos referentes ao período, destacando as obras, convênios, utilização dos recursos, ações e planos para a atual gestão.

37 obras estão em andamento, segundo o secretário Orleans. Entre os dados apresentados, também está o superávit dos recursos específicos da Saúde: a secretaria fechou o ano de 2016 com um saldo positivo de R$ 5 milhões, para que possam ser investidos no setor. Na área social, foram evidenciados os dados referentes aos atendimentos do Cras e Creas, bem como o convênio com diversas instituições beneficentes.

'O cenário da saúde é positivo. A situação do setor hoje é outra. É um trabalho permanente, de articulação interna e nos Governos Estadual e Federal, com muita propriedade, coragem e ousadia. Nossa prioridade é atender às questões mais sensíveis. Fizemos muita coisa e vamos fazer ainda mais para que toda a população seja beneficiada', destacou o secretário José Orleans.

Iniciativas - No último quadrimestre de 2016, várias obras foram concluídas ou tiveram andamento, como a continuidade de construção de cinco UBS, inauguração da reforma da UBS do Caic/São Pedro e Santa Cecília, processo final de conclusão da reforma da UBS do Carmo (entregue em 2017), e início da reforma de outras 3 UBS. Duas Academias da Saúde foram entregues e mais 11 estão em andamento.

Os avanços incluem a instalação de duas novas residências terapêuticas, habilitação de outras cinco, aquisição de moderno Raio-X digital para o Centro de Especialidades Multiprofissionais (CEM), quatro ambulâncias e dois micro-ônibus para transporte de pacientes de radioterapia. A Secretaria também realizou todos os instrumentos do PlanejaSUS, como o Plano Municipal, programações, relatório anual e prestações de contas.

Várias ações foram ou estão sendo executadas, como visitas periódicas às feiras livres, capacitações, ações sociais, movimentos como Setembro Amarelo, Outubro Rosa e Novembro Azul. O secretário também informou sobre os números referentes a internações, exames, procedimentos e outros.

Recursos federais - Por meio da aplicação dos projetos referentes ao uso dos recursos federais da Portaria 1.073, a Sesaps realizou e está realizando uma série de iniciativas. Já foram executadas a adequação do espaço físico do setor de transportes da secretaria, ampliação do combate às endemias, estruturação da rede de frios, colocar em funcionamento o CEM, melhorias nas condições de comercialização dos hortifrutigranjeiros pelos pequenos produtores e ampliação do atendimento no distrito de Correia de Almeida.

Entre os projetos em execução, estão a otimização do combate a endemias relacionada à zoonoses melhoria da acessibilidade para os conselhos municipais pesquisa da qualidade de vida da população negra em Barbacena, aperfeiçoamento das condições de atendimento aos pacientes do CAPS, melhoria no transporte sanitário, ampliação da cobertura dos exames de diagnóstico, estadiamento e controle do câncer, bem como ampliação das condições para os pacientes nesta condição, aquisição de suplemento alimentar para pessoas com quadro de desnutrição grave e moderada e implementação de ações do Controle de Zoonoses.

Convênios - Foram apresentadas informações sobre os convênios, com o Núcleo Regional de Barbacena de Voluntários de Prevenção e Combate ao Câncer do Hospital Mário Pena, Associação Barbacenense de Proteção aos Animais, Associação Barbacenense de Ação Contra AIDS, Associação Regional de Agricultura Familiar e Instituto José Luiz Ferreira, para manutenção do Centro de Convivência e as 30 residências terapêuticas.

Além disso, através de convênio com Instituto Primeiro Quilombo, está em fase final o primeiro diagnóstico sobre a situação socioeconômica e demográfica da população negra e indígena do município, com mais de 3 mil pessoas entrevistadas.

Outros convênios envolvem a manutenção do Pronto Atendimento de Urgência e Emergência aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e a construção do “bunker” para a prestação de serviços de radioterapia no Hospital Ibiapaba, uma antiga demanda da população.

Ações para 2017 - Ainda foram destacados, durante a apresentação, ações para 2017, que envolvem o aumento da aplicação de recursos, início da residência médica em Medicina Geral da Família, inauguração de Instalações Sanitárias nas feiras livres (realizada em janeiro), novo modelo de Atenção Primária à Saúde no CEM, reforço de cirurgia geral no IMAIP, reforço da cirurgia oncológica no Ibiapaba e serviço de oftalmologia na Santa Casa e CEM.


Busca de Notícias