Cicloturismo Barbacena-Tiradentes movimenta o domingo
Evento, que tem a parceria da Prefeitura, conta com a participação de 60 atletas do Mountain Bike de toda a região, passando pela antiga Estrada de Ferro Oeste de Minas


A 5ª edição do Cicloturismo Barbacena-Tiradentes será realizada neste domingo (9), com a participação de 60 atletas do Mountain Bike de toda a região, passando pela antiga Estrada de Ferro Oeste de Minas em um percurso de 84 km. O evento é realizado pela Vizual Bikes, em parceria com a Prefeitura de Barbacena, através da subsecretaria de Cultura, Desporto e Turismo, e vários apoiadores.

A partir das 6h de domingo, haverá a concentração e o café da manhã dos atletas, na Praça Soares Ferreira (em frente à Igreja da Boa Morte), em Barbacena. A saída está marcada para 7h30. A chegada será no restaurante Delícias de Minas, na Praça da Rodoviária, em Tiradentes. É obrigatório que todos os atletas usem capacete e recomenda-se também o uso de luvas.

Segundo o subsecretário de Cultura, Desporto e Turismo, Cleb Braz de Andrade, o evento engloba vários aspectos: 'É uma iniciativa importante, que apresenta o trecho histórico de uma das principais estradas de ferro, envolvida diretamente no crescimento de Minas Gerais e do Brasil. O percurso é uma marca do turismo da nossa região, com belas paisagens. Além disso, é um incentivo ao esporte, que só traz benefícios'.

Sobre o Cicloturismo Barbacena-Tiradentes - A história da iniciativa começou em 2008, quando um grupo de amigos ciclistas, que já conheciam a Estrada de Ferro Oeste de Minas, resolveram desbravar o caminho histórico. Futuramente, o encontro tornou-se um evento anual, sem caráter competitivo, mas como um passeio, para mostrar a rica história de toda a região.

O evento conta com estrutura e apoio mecânico e logístico, além de café da manhã e pontos de hidratação durante o percurso, necessários para a prática.

Sobre a Estrada de Ferro Oeste de Minas - A EFOM é a ferrovia com a bitola mais estreita do mundo (0,76 m). Começou a ser construída no distrito barbacenense de Sítio (hoje Antônio Carlos), em julho de 1879. O primeiro trecho de 49 km foi inaugurado em 1880, ligando o distrito a Nossa Senhora de Santana do Barroso. Em 28 de agosto de 1881, Dom Pedro II esteve presente na inauguração oficial do trecho de 99 km até a cidade de São João del-Rei. A partir daí, novos trechos foram abertos para outras regiões do estado.

Durante quase um século, a ferrovia foi fundamental para manter viva a economia de Minas Gerais, com sua conexão com a Estrada de Ferro Central do Brasil, que se ligava ao Rio de Janeiro.


Busca de Notícias