Barbacena vai intensificar vacinação contra a febre amarela
Iniciativa acontece do dia 6 a 30 de novembro


Barbacena vai intensificar, no período de 6 a 30 de novembro de 2017, a vacinação contra a febre amarela, que acontecerá em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. Haverá dois dias de mobilização especial, para atender às pessoas que trabalham em horário comercial ou que, por outro motivo, não tenham sido imunizadas: em 11 de novembro (sábado), de 12h às 18h, e no dia 19 de novembro (domingo), de 8h às 12h.

A iniciativa da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde e Programas Sociais (Sesaps), inserida no Programa Nacional de Imunização (PNI), é em função de notificação em período recente da ocorrência de epizootias em primatas não humanos, associada a casos humanos e mortes com suspeita de febre amarela em outros municípios mineiros, inclusive próximos a Barbacena. Outra razão é promover a prevenção contra a doença infecciosa febril aguda, causada por vírus e transmitida por mosquitos em áreas urbanas, por meio do Aedes aegypti (o mesmo da dengue). ou silvestres, através do mosquito Haemagogus.

Para receber a dose, a apresentação do Cartão de Vacinação é importante para a avaliação do status vacinal, assim como a pesquisa do histórico de vacinação na UBS onde a pessoa se vacinou anteriormente, não incorrendo na possibilidade de vacinação excessiva e futuros efeitos adversos, comprometendo a saúde. Estas são as medidas adotadas:

Pessoas portando Cartão de Vacinação, com registro de uma dose, em idade até 59 anos, estão imunizadas definitivamente. Não há dose de reforço. Pessoa com 60 ou mais anos e/ou portadoras de doenças de imunossupressão, outras patologias e/ou medicamentos que interferem na imunidade, o médico avaliará o benefício e o risco da vacinação,  levando em conta o risco da doença e o risco de eventos adversos nessa faixa etária ou decorrentes de comorbidades.

A vacina contra a febre amarela é contraindicada para gestante, puérperas amamentando crianças de até 6 meses, pessoas alérgicas a ovo, alérgicas a algum componente da vacina, entre outras. Pessoas que irão viajar para áreas com casos da doença devem-se vacinar pelo menos 10 dias antes do compromisso.

Para pessoas sem o Cartão de Vacinação ou histórico vacinal, será realizada a aplicação de acordo com a idade e o Calendário Nacional.

No cronograma a seguir, você também confere as localidades da zona rural onde serão ofertadas as vacinas, no período de 7 a 9 de novembro.


Busca de Notícias