Barbacena é apontada por estudo como preparada para enfrentar o novo coronavírus


A cidade de Barbacena foi apontada como preparada para enfrentar a pandemia do novo coronavírus, de acordo estudo realizado pela consultoria Aquila e publicado nesta quarta-feira, dia 29, pelo jornal Estado de Minas. O estudo se baseia em indicadores sociais, econômicos e de saúde de todos os municípios brasileiros. No enfrentamento ao novo coronavírus, a administração municipal de Barbacena, que está enquadrada na categoria AA, sendo assim classificada como preparada, vem trabalhando desde o início dos primeiros casos no Brasil para combater o novo vírus.

Além das ações de isolamento, em um investimento de cerca de R$ 3 milhões, a Prefeitura de Barbacena criou, em parceria com hospitais da cidade, 25 novos leitos de UTI, destinados ao tratamento de pacientes com a Covid-19.

Das 853 cidades de Minas Gerais, 230, o que equivale a 27%, estão em situação crítica para o enfrentamento ao novo vírus.

O estudo realizado pela consultoria Aquila classificou as cidades mineiras em quatro categorias: AA – cidades preparadas para enfrentar a pandemia (29%); BA – cidades com condições de saúde, mas dependentes financeiras (29%); AB – cidades com condições financeiras, mas dependentes de saúde (15%); BB – Cidades críticas para enfrentar a pandemia (27%).

De acordo com a publicação do jornal Estado de Minas, o estudo levou em consideração dados do Governo Federal sobre o sistema de saúde, como quantidade de leitos e profissionais de saúde por morador, e as condições econômicas tanto do município quanto dos habitantes.


Busca de Notícias