RH do Município esclarece sobre problemas para receber auxílio emergencial do Governo Federal


A Prefeitura de Barbacena, através da Diretoria de Recursos Humanos, recebeu várias reclamações de ex-servidores municipais, relatando não terem conseguido receber o auxílio emergencial do Governo Federal. Todos relataram o mesmo problema que é de dados desatualizados relacionados ao vínculo empregatício. A Diretoria de Recursos Humanos explica que quando um servidor é desligado, imediatamente, é atualizada a sua situação empregatícia, com o envio das informações aos órgãos correspondentes.

O auxílio emergencial é de responsabilidade do Ministério da Cidadania, mas a análise dos cadastros é feita pela empresa pública Dataprev. As informações obtidas, até o momento, é que estes dados são referentes à RAIS ano base 2018.

A Diretoria de Recursos Humanos, responsável pela atualização das informações referentes à pessoal, deixa claro que já enviou a RAIS ano base 2019, bem como a GEFIP é enviada mensalmente até o dia 7 de cada mês, com os dados atualizados.

O Município está auxiliando seus ex-funcionários com a disponibilização de cópia dos documentos que constam as rescisões para que assim apresentem as defesas.

Segundo matéria veiculada no jornal Hoje em Dia, de 12 de maio de 2020, o Ministério Público Federal (MPF) em Minas entrou com ação civil pública para obrigar a Caixa Econômica Federal (CEF) e a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev), a solucionar imediatamente todos os problemas operacionais que estão impedindo o pagamento do auxílio emergencial aos brasileiros afetados pelas medidas de contenção da pandemia da Covid-19.

O atendimento da Diretoria de Recursos Humanos tem sido realizado através do site http://barbacena.mg.gov.br/atendimento/ ou pelo telefone 3339-2145.


Busca de Notícias