Prefeitura aplicará novo tipo de asfalto nas ruas com mais durabilidade e qualidade do que o convencional


A Prefeitura Municipal de Barbacena iniciará a aplicação do asfalto polímero em suas vias. Esse tipo de massa asfáltica é uma tecnologia utilizada inclusive internacionalmente. Sua principal vantagem é a duração e qualidade superior ao asfalto tradicional.

No Brasil essa tecnologia é utilizada para preservas a qualidade dos trechos em rodovias por mais tempo, o que consequentemente oferece segurança maior a população.

Um estudo realizado na estrada ES-440, no estado do Espirito Santo, comprovou a durabilidade da recuperação da via contra danos e imperfeições após o polímero. De acordo com o secretário Municipal de Obras Públicas, Giovanni Cristo, o recapeamento com o polímero acontecerá nas principais vias que ligam as rodovias ao Centro.

“Com esse micro revestimento asfáltico nós vamos proporcionar uma melhoria na qualidade do pavimento na questão da fluidez do trânsito, já que a via ficará melhor, ao mesmo tempo impedindo a questão da infiltração de água no pavimento, consequentemente na base [do asfalto], evitando a quantidade de buracos que a gente vê no período chuvoso”, destacou o secretário.

O material que produz o asfalto modificado por polímero tem em sua composição materiais que permitem resistência diante da dilatação.  Devido a variação de temperatura e diante das características das ruas de Barbacena, ele é ideal para melhorar a resistência à fluência, trincas e deformações. Outra característica é a recuperação elástica e resistência ao desgaste e envelhecimento.

O prefeito Carlos Du se mostrou otimista com o polímero. “Nós estamos muito otimistas, já fizemos todos os estudos e levantamentos para a gente começar o nosso trabalho e se Deus quiser entregar uma cidade melhor”, ressaltou.

A aplicação está sendo feita através de licitação via Consórcio de Desenvolvimento da área dos Municípios da Microrregião da Mantiqueira (CODAMMA).  A primeira rua que está recebendo o asfalto é a rua Demétrio Ribeiro. O trabalho seguirá até a Floriano Peixoto.


Busca de Notícias